Dia de combate às drogas e o alcoolismo

 No dia nacional de combate às drogas e o alcoolismo, trazemos algumas indicações para quem deseja se livrar de vez dos vícios. 

É muito difícil convencer alguém a não fazer algo que lhe dê prazer; drogas e álcool, antes de qualquer outra coisa, oferecem prazer imediato, e por causarem dependência física, psicológica e síndrome de abstinência são de difícil tratamento. As ações preventivas devem ser planejadas e direcionadas para o desenvolvimento humano, o incentivo à educação, à prática de esportes, à cultura, ao lazer e a socialização do conhecimento sobre drogas, com embasamento científico.

Confira algumas orientações: 

1 – O primeiro passo e talvez o mais difícil é reconhecer que você precisa de ajuda, e assumir a condição de dependente químico ou alcoólatra. 

2– Buscar tratamento com especialistas é muito importante, pois quando a desintoxicação é iniciada, a abstinência irá surgir podendo causar recaídas.

3 – Evite lugares que facilitem o acesso ao álcool e outras drogas.

4 – É preciso se conhecer e saber de onde vem os problemas originais causadores do vício, que podem ser ansiedade, o descontrole emocional, problemas na estrutura familiar , etc.

O autoconhecimento é fundamental para evitar recaídas.

O SUS disponibiliza tratamento  devido ao abuso de álcool e outras drogas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e os Centros de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas III (CAPS AD).

 

Acompanhe mais conteúdo sobre Medicina, Direito & Saúde em nossos canais digitais Facebook & InstagramBlog e App.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


WhatsApp chat
Send this to a friend